Sindicato orienta médicos a registrarem B.O. de casos de violência no exercício profissional

Sindicato orienta médicos a registrarem B.O. de casos de violência no exercício profissional

A Diretoria do Sindicato dos Médicos do Ceará divulgou comunicado, nesta segunda-feira (7), através das redes sociais da entidade, orientando a categoria sobre como proceder em casos de violência no exercício profissional. Confira:

Em virtude do aumento dos registros de violência contra médicos no exercício de suas atividades no Ceará e, visando a preservação do bem-estar e da vida destes profissionais, bem como dos usuários do sistema público de saúde no Estado, o Sindicato dos Médicos orienta a categoria que, diante de casos de violência nas unidades de saúde onde prestam serviços, estes sejam comunicados imediatamente à referida entidade sindical, com envio de cópia do registro de Boletim de Ocorrência (B.O.) policial, através dos canais:

Email – secretariaexecutiva@sindmedce.org.br; e

Canal do Médico – aplicativo para smartphones, disponível tanto para IOS como para Android, respectivamente, na Apple Store e no Google Play.

Diretoria do Sindicato dos Médicos do Ceará

Leia ainda: Núcleo Intersetorial vai discutir ações para prevenir violência nas unidades de saúde

Sindicato solicita ao Secretário de Segurança inclusão de unidades de saúde no ‘Ceará Pacífico’

Fonte: Assessoria de Comunicação do Sindicato dos Médicos do Ceará

Close